O programa Co-Op no Canadá é indicado para os jovens que desejam aprender, estagiar e agarrar as oportunidades no mercado internacional.

Além de propiciar um ambiente de aprendizado nas mais diferentes áreas, os cursos de Co-Op possibilitam a chance que muitos desejam, mas não conseguem em função da legislação canadense: trabalhar.

Como assim?

Desde 2014, quem deseja fazer um intercâmbio no Canadá para estudar inglês não pode trabalhar, nem arranjar um “bico” de fim de semana.

Hoje somente os cursos técnicos, superiores, faculdades e universidades permitem que o estudante tire o visto de trabalho.

É por isso que o programa Co-Op é uma oportunidade ímpar para quem busca uma experiência no país referência em educação.

  • Em primeiro lugar porque permite esse vínculo empregatício e aproxima os alunos das áreas com as quais eles têm afinidade;
  • Em segundo porque através de parceria com empresas, possibilita a chance de estagiar, obter experiência e ganhar aquela graninha;
  • Em terceiro porque insere os intercambistas no mercado de trabalho internacional e amplia o networking.

Que tal descobrir um pouco mais sobre o Co-Op no Canadá?

Neste post, mostramos tudo o que você precisa saber sobre esse programa, requisitos e objetivos dos cursos que têm atraído estudantes do mundo todo!

Confira!

O que é um programa de Co-Op no Canadá?

São cursos de ensino superior, técnico ou tecnólogo que podem durar até dois anos. O grande diferencial é que além da parte acadêmica, o programa também oferece a possibilidade de você trabalhar por um período.

Sabe aquele esquema colocar na prática o que viu na teoria?

É isso mesmo!

O nome Co-Op, aliás, já sugere isso.

Trata-se de uma cooperação entre uma instituição de ensino e um empregador que oferece uma vaga de estágio.

As opções de cursos no Co-Op Canadá disponíveis são destinadas a áreas mais abrangentes, como serviços ao consumidor, hotelaria, administração, marketing e vendas, .

E aí já vai se preparando!

Disciplinas como gestão de projetos, vendas, comportamento organizacional, turismo e diversidade cultural no ambiente de trabalho são apenas um exemplo do que o intercambista que estudar Co-Op no Canadá terá acesso.

Como funciona o Co-Op?

co op canada

Diferente de outros tipos de intercâmbio, o esquema de aulas e estágio do programa Co-Op varia conforme a instituição de ensino, mas, de modo geral, o aluno terá um período X de aulas e, posteriormente, deverá se dedicar ao estágio obrigatório em tempo integral na área em que estudou.

Escolas de Co-op: como funcionam

Na Ilac International College, por exemplo, escola reconhecida no Canadá e que atrai estudantes de todas as partes do mundo, as aulas nos cursos de administração de negócios ou vendas e marketing acontecem da tardinha para a noite: das 17h45 às 21h45.

Já a Tamwood, eleita por dois anos a melhor escola de idiomas da América do Norte, oferece até três tipos de cursos no formato Co-Op: turismo e hospitalidade, gestão e negócios e comida e bebida.

Para receber o certificado diploma (o mais completo no programa Co-Op), o intercambista passar por 24 semanas em sala de aula e depois mais 24 semanas de estágio remunerado.

Em ambas as escolas os alunos, se assim desejarem, podem trabalhar meio período durante seus estudos. Somente quando o estágio Co-Op iniciar é que as atenções devem ser centradas somente a esta atividade.

É obrigatório e não vale acumular mais de um trabalho, ok?

Como conseguir esse estágio?

Existem escolas que possuem parceria com empresas que convidam mensalmente alunos do programa Co-Op para entrevistas.

Outras instituições, por sua vez, deixam o aluno livre para ir atrás da tão sonhada vaga.

Independente de qual for o modelo, é sempre válido trocar uma ideia com professores e pedir algumas dicas.

Informação nunca é demais!

A boa notícia é que se você optar pela Ilac ou Tamwood, escolas parceiras da Information Planet, os seus caminhos serão conectados ao mercado de trabalho.

Olha só os serviços que a Ilac oferece:

  • Preparação de curriculum e Linkedin;
  • Auxílio na preparação de currículum
  • Aconselhamento para entrevistas;
  • Suporte na busca de trabalho online e tradicional;
  • Anúncios de emprego semanais;
  • Agendamento de entrevistas;
  • Reuniões individuais com especialista em colocação de estágio;
  • Apoio constante durante a experiência de trabalho.

Já na Tamwood você pode contar com:

  • Guia de 100 páginas com dicas sobre vida e trabalho no Canadá;
  • Acesso à Hot Jobs List, lista com ofertas de empregos atualizadas semanalmente;
  • Seminários com os temas “Como se portar em uma entrevista de emprego”, “Como preparar um currículo”, “Onde buscar as melhores oportunidades de emprego”.

O que precisa para fazer um co op no Canadá?

programa co op canada

O programa é indicado a estudantes a partir de 18 anos que já tiveram concluído o ensino médio, comprovem a proficiência no idioma* e apresentem dinheiro suficiente para se manter no país durante o período do curso (veja quanto mais adiante).

Mas não basta apenas preencher os requisitos.

O Co-Op no Canadá é aconselhado para quem não tem medo de desafios, deseja dar uma balançada na carreira e, claro, aperfeiçoar ainda mais o idioma.

É para quem realmente quer fazer acontecer, sem medo de abraçar as boas oportunidades que podem surgir no meio do caminho.

*A proficiência para os cursos Co-Op nem sempre são exigidas através de testes como TOEFL, Cambridge, entre outros. Em alguns casos, as instituições querem mais é saber se você tem boas condições de se comunicar e, muitas vezes, uma entrevista via Skype basta. Lembre-se, entretanto, que a regra varia conforme a escola.

Quanto tempo dura um programa Co-op?

A duração dos cursos Co-Op variam entre 26 semanas e 2 anos. Tudo depende do tipo de curso e tempo de estágio.

Todo esse tempo lá fora, exige planejamento. Por isso, fica a dica para começar a planejar seu intercâmbio com antecedência.

Quanto custa um Co-op no Canadá?

O valor do programa varia conforme escola, tempo e curso escolhido.

Na Ilac, o investimento para cursos Co-Op em administração de negócios ou vendas e marketing varia de CAD 9.600 (52 semanas) a CAD 10.600 (92 semanas)

Se você definisse cursar apenas 6 meses (24 semanas), a diferença seria de apenas CAD 1.000. Vale muito mais a pena, portanto, investir num programa  com mais tempo.

Já na Tamwood, o valor de investimento para o programa de 48 semanas  (24 semanas de aula + 24 de estágio) varia de: CAD $ 7.753 para o curso de Fundações de Comidas e Bebidas ou Hospitalidade, Serviço e Turismo; CAD $ 9.175 para Negócios e Gestão Internacional.

*Em ambos os valores estão incluídas taxas de matrícula e materiais.

co op info canada

Como faço para ingressar num Co-op?

Como já citamos, para ingressar em um programa Co-Op é necessário ter 18 anos (algumas escolas exigem 19) e apresentar o diploma de ensino médio. É exigido que você viaje, no mínimo, com nível intermediário de inglês, mas isso vai depender do critério de cada instituição.

Algumas escolas também consideram a experiência de trabalho um diferencial.

Outro ponto muito importante é o visto para embarcar para o Canadá.

Providencie com a escola (por intermédio da sua agência de intercâmbio), a carta do programa de estudo que mostra que o curso é Co-Op e faça a aplicação na modalidade visto de estudante.

Dica de ouro: Comece a organizar a documentação, pelo menos, 6 meses antes do embarque e certifique-se de que não haverá inconsistências no envio da papelada.

A obtenção do visto é um processo criterioso e qualquer deslize na comprovação pode colocar em cheque o seu embarque.

Outro requisito crucial antes do embarque é a comprovação financeira.

O consulado canadense exige que você apresente CAD 1.200 por mês (cerca de R$3.800) para a obtenção do visto.

4 vantagens de fazer um programa de Co-Op no Canadá

Já ficou na cara que fazer um co-op no Canadá é uma grande oportunidade de desenvolvimento profissional. Mas quais são todos os benefícios de optar por esse programa? Confira:

1 – Experiência para o início da carreira e networking internacional

O jovem que sair do ensino médio e encarar um curso Co-Op, sem dúvidas, saltará na frente. Além de configurar uma excelente chance para o início da carreira – leia-se primeiro emprego internacional –, o programa oportuniza a chance de o estudante ampliar o networking com pessoas de várias partes do mundo.

Vale lembrar que quanto mais plural for a sua rede de contatos profissional, maior é a chance de você se dar bem no mercado de trabalho.

Leia também: Intercâmbio ajuda no currículo? Veja a opinião de grandes empregadores

2 – Boas chances de empregabilidade

Como já comentamos, o programa possibilita com que o estudante estagie na área. A chance do emprego, na maioria das vezes, é garantida, já que existe uma grande carência em mão-de-obra em diversas cidades do Canadá.

(Justamente por  isso, os cursos de customer service são ainda mais indicados).

Só não esqueça que a conquista da vaga também vai depender do seu empenho e desenvoltura.

Capriche nas aulas e mostre MUITA vontade no processo seletivo que não tem erro.

3 – Custo acessível

Se comparado a outros programas de estudo no Canadá, como universidade ou até um curso de idiomas com duração de um ano,  o valor do programa Co-Op é bem mais acessível.

4 – Capacidade de adaptação e visão global

Tudo o que grandes empregadores almejam, hoje, são profissionais com uma visão global e que tenham na bagagem a experiência de um intercâmbio. O plus do Co-Op é que ele desenvolve no aluno habilidades muito exigidas pelo mercado de trabalho hoje: inteligência emocional, respeito às diferenças e capacidade de adaptação.

Leia também: Profissionais do futuro: Como um intercâmbio prepara você para 2020

Ficou interessado?

Temos várias opções de escolas e cursos de programa Co-Op para você. 🙂

Fale com nossos especialistas em Canadá para tirar dúvidas, receber ajuda no planejamento e ter um orçamento personalizado.

guia do intercambio canada